14 de jul de 2017

gim tônica

a tua ausência doeu, doeu muito, doeu demais. 
a tua presença doeria, talvez um pouco menos, 
mas me mataria a cada instante. 
eu virei as costas, me segurei para não desmoronar 
bebi um litro d'água 
e saí cambaleando, 
tonto de dor. 
a dor e a tua ausência me acompanharam
no trabalho, na festa, na cama, na hora do jantar
eu convivi com ela, 
como quem suporta um torcicolo, uma unha encravada, 
um câncer no estômago. 
eu fui até o Fim!
ou encara ou encarava 
e no final um de nós venceria

eu engoli a dor, 
mas não engoli a seco. 
mastiguei meu coração, 
tinha o gosto de sua boca. 
engoli a dor com grandes goles de gim 
que tem o sabor mais forte, presente e inesquecível que o teu. 

9 de jul de 2017

entre

parte de mim é saudade enquanto a outra, vontade;
parte de mim é tristeza, mas a outra, esperança;
parte de mim é desejo, enquanto a outra, receio; 
parte de mim quer um novo final, 
enquanto a outra insiste que o começo tem que ser igual. 
e assim eu sigo entre alegrias e dores,
decepções e amores, 
com o olho molhado, 
mas esperando sorrir na próxima esquina. 

5 de jun de 2017

Diversas vezes me disseram que eu estava agindo errado.
Aí vem você e prova que, como eu acreditava, eu não era o errado,
apenas ainda não tinha encontrado a pessoa certa!

22 de mai de 2017

awake

para A. 

O sonho tem se prolongado... é tudo muito novo, muito intenso muito leve para que eu estivesse acostumado. Não estou acostumado, mas, por outro lado, estou adorando. 
Andar sob a chuva num domingo à tarde foi, com certeza, o melhor programa dos últimos meses, a sua mão segurava o meu braço direito e os nossos pés saltavam as poças, pisando em nuvens. 
Você sorri um sorriso pequeno, lindo, radiante e apaga todos os transtornos dos últimos dois anos. Você quer saber de mim, o que fiz, o que acho, o que vamos fazer e, por alguns segundos, eu fico incrédulo: isto é real!? E vou me desnudando com um sorriso bobo no rosto. 
Você derreteu um paredão de gelo com o calor do seu abraço, me fez viver um doce sonho ao adormecer no meu colo, você reacende as minhas esperanças a cada amanhecer, a cada novo dia, a cada palavra tirada de minha idealizações mais profundas que brinca de sair pela sua boca... 

26 de abr de 2017

os dias parecem ampulhetas
virando-me de cabeça para baixo
os começos são fins enquanto os fins parecem meios
há muito a ser oferecido, mas as pessoas acostumaram-se com restos
objetos de segunda mão, mão boba, fetiche
solidão
produto exacerbado da tal globalização, libertação, consolação 
são 
poucos seguem por caminhos seguros
porque no escuro já não encontram mão, chão, coração.



22 de abr de 2017

Bad choise

Eu tento sempre mostrar o meu melhor lado,
mas as pessoas fazem de tudo para conhecer o pior!

27 de mar de 2017

realidade

a arte de sonhar...
um dia dá certo
eu me derreto com teus sorrisos discretos
fico sem ar ao sentir tua respiração
tão próximo de mim
quero abraçar o mundo e só sentir teu corpo entre meus braços
eu quero te sufocar de abraços, 
e te fazer afagos, 
e te deixar sem jeito, 
sem fôlego, 
sem roupas, 
sem desculpas para fugir de mim. 

23 de mar de 2017